O médico anestesista Leopoldo Felippe, de 30anos , foi solto nesta quarta-feira (12), após ter sido preso em flagrante por agredir até a morte um cachorro na região oeste do Paraná.

A notícia da soltura foi divulgada pelo próprio delegado que acompanha o caso, Matheus Laiola. “Ele foi preso e acabou de sair a decisão judicial concedendo liberdade sem necessidade de pagar fiança”, informou pelas redes sociais.  

A polícia acredita que o médico tenha usado um pedaço de madeira para atingir o filhote. Contudo, um laudo cadavérico vai apontar a causa da morte do animal.

Fonte: Bocão News