• Girl in a jacket
  • CAPIM-GROSSENSE ENCONTRADO MORTO EM SÃO PAULO MATOU A PRÓPRIA MÃE EM 2009 ~ Blog Barreiras Noticias | Oeste Baiano no Geral

     O corpo encontrado em São Carlos, estado de São Paulo, na última semana, se trata de um capim-grossense que foi autor de um dos crimes mais bárbaros já registrado na história de Capim Grosso.

    Reinaldo da Silva Ciriaco, em dezembro de 2009, matou a própria mãe em um crime macabro, invadindo a casa da sua irmã e agredindo sua genitora até a morte.



    O crime que chocou a cidade aconteceu na Rua Irmã Eleonora, no Bairro Planaltino. Após várias ameaças, dona Erotildes de 64 anos, foi morar com sua filha, no citado logradouro, por estar com medo do próprio filho, um dia antes do crime, Reinaldo colocou uma camisola de mãe de cabeça para baixo no portão da casa onde dona Erotildes morava com ele, além disso o mesmo escreveu vários símbolos considerados satânicos e colocou fogo em parte do imóvel.


    Na noite do dia seguinte, ele invadiu a casa da irmã pelo telhado e agrediu a própria mãe com uma soco inglês (soqueira), pedradas e facadas até a morte, a filha de Dona Erotildes saiu correndo e pediu socorro, mas quando os vizinhos e polícia chegaram a vítima já estava morta e Reinaldo havia fugido.


    Reinaldo se embrenhou em matagal, mas foi capturado pela polícia. Ele chegou a ser baleado no momento da prisão pois resistiu e tentou um confronto com os policiais na época.
    .com/img/a/
    O crime foi destaque no Jornal Folha Regional em 2009.


    Após a prisão, Reinaldo foi encaminhado ao Hospital de Custória e Tratamento Psiquiátrico, em Salvador, onde ficou por três meses. Depois, retornou para antiga delegacia de Capim Grosso para cumprir parte de sua pena, não se sabe ao certo quanto tempo Reinaldo ficou preso, o que se sabe é que a vida do mesmo sempre foi marcada por atos de violência e uso de drogas.

    Antes de cometer o crime, Reinaldo chegou a ser internado em um hospital para dependentes químicos, passando cinco meses se tratando. Segundo familiares, na época, Reinaldo teria desenvolvido problemas psicológicos por conta do uso de drogas.


    De acordo com populares da cidade São Carlos que entraram em contato com a redação do Fr Notícias, o local onde Reinaldo foi morto é um ponto conhecido de usuários de drogas e considerado uma região perigosa. O fim de Reinaldo foi semelhante ao crime que o próprio cometeu, morto pela violência brutal que ele praticou com a própria mãe.

    Fonte: FR Notícias

    Publicação em destaque

    TELECOM PROVIDER - INTERNET CAMPEÃ