• Girl in a jacket
  • Will Smith é banido do Oscar e de todos os eventos da Academia de Hollywood por 10 anos ~ Blog Barreiras Noticias | Oeste Baiano no Geral

     

     O ator Will Smith foi banido por 10 anos de todos os eventos da Academia de Hollywood, incluindo o Oscar. A decisão foi tomada pela direção da instituição nesta sexta-feira (8), como punição por conta do tapa que Smith deu em

    Chris Rock durante a edição deste ano do Oscar.

    A sanção foi decidida na reunião que foi antecipada – inicialmente estava marcada para o dia 18, mas por conta das pressões após o tapa aconteceu esta sexta.

    Thank you for watching

    Com a punição, Will Smith não pode comparecer aos eventos da Academia, mas não há impedimento para que seja indicado ao prêmio. Também não retira a estatueta de melhor ator que ele ganhou esse ano, pouco depois do tapa em Chris Rock.

    Os organizadores do Oscar abriram um processo disciplinar contra Smith no dia 30 de março, dando prazo de 15 dias para que ele se defenda por escrito, antes de decidir se ele pode ser expulso ou suspenso da Academia. No dia 1º, Smith se antecipou e renunciou como membro da Academia.

    O Conselho da Academia inclui artistas como os diretores Steven Spielberg e Ava DuVernay e as atrizes Laura Dern e Whoopi Goldberg, entre outros.

    Leia a carta divulgada pelo presidente da Academia, David Rubin:

    “A 94ª edição do Oscar deveria ser uma celebração dos muitos indivíduos em nossa comunidade que fizeram um trabalho incrível no ano passado; no entanto, esses momentos foram ofuscados pelo comportamento inaceitável e prejudicial que vimos o Sr. Smith exibir no palco.

    Durante nossa transmissão, não abordamos adequadamente a situação na sala. Por isso, lamentamos. Esta foi uma oportunidade para darmos um exemplo para nossos convidados, espectadores e nossa família da Academia em todo o mundo, e ficamos aquém – despreparados para o fato inédito.

    Hoje, o Conselho de Diretores convocou uma reunião para discutir a melhor forma de responder às ações de Will Smith no Oscar, além de aceitar sua renúncia. O Conselho decidiu, por um período de 10 anos a partir de 8 de abril de 2022, que o Sr. Smith não poderá participar de nenhum evento ou programa da Academia, pessoalmente ou virtualmente, incluindo, entre outros, o Oscar.

    Queremos expressar nossa profunda gratidão ao Sr. Rock por manter a compostura em circunstâncias extraordinárias. Também queremos agradecer aos nossos anfitriões, indicados, apresentadores e vencedores por sua postura e graça durante nossa transmissão.

    Esta ação que estamos tomando hoje em resposta ao comportamento de Will Smith é um passo em direção a um objetivo maior de proteger a segurança de nossos artistas e convidados e restaurar a confiança na Academia. Também esperamos que isso possa iniciar um tempo de cura e restauração para todos os envolvidos e impactados.”

    Desculpas
    Will Smith foi às redes sociais na segunda-feira (28) para comentar sobre o tapa que deu em Chris Rock após o comediante ofender sua esposa, Jada Pinkett-Smith.

    “A violência em todas as suas formas é venenosa e destrutiva”, começou o ator. “Meu comportamento ontem à noite no Oscar foi inaceitável e imperdoável. Piadas às minhas custas fazem parte do trabalho, mas uma piada sobre a condição médica de Jada era demais para mim e reagi emocionalmente.”

    O ator aproveitou para se desculpar publicamente a Chris Rock: “Eu passei dos limites e estava errado. Estou envergonhado e minhas ações não foram indicativas do homem que quero ser.”

    “Não há lugar para violência em um mundo de amor e bondade”, escreveu na publicação.

    Ele ainda pediu desculpas à Academia, aos produtores do Oscar, a todos os participantes e a todos que assistiram a cena ao redor do mundo. Além reforçar suas desculpas à família Williams e à sua ‘família King Richard’.

    “Lamento profundamente que meu comportamento tenha manchado o que tem sido uma jornada linda para todos nós. Eu sou um trabalho em andamento”, concluiu.

    Na mesma noite do tapa, Smith também levou o prêmio de melhor ator por  “King Richard: criando campeãs”, filme biográfico inspirado em Richard Williams, pai das famosas tênistas Serena Williams e Venus Williams. 

    Investigação
    A Academia de Cinema do Oscar abriu uma investigação formal sobre a agressão de Will Smith a Chris Rock. “A Academia condena as ações do Sr. Smith no evento da noite passada. Iniciamos oficialmente uma revisão formal em torno do incidente e exploraremos outras ações e consequências de acordo com nossos Estatutos, Padrões de Conduta e a lei da Califórnia”, diz o comunicado.

    A premiação de Melhor Ator não será removida. Segundo o The Hollywood Reporter, alguns conselheiros do órgão queriam a expulsão do artista. 

    Dawn Hudson, CEO da Academia, enviou uma nota à Variety onde fala do privilégio de estar na Academia e ressalta o código de conduta do Oscar. “A filiação à Academia é um privilégio oferecido a um grupo seleto na comunidade global de cineastas. Além de conquistarem excelência nas artes e ciências audiovisuais, os membros também devem se comportar de forma ética e respeitar os valores da Academia de respeito à dignidade humana, à inclusão e a um ambiente acolhedor que promova a criatividade”, disse.

    Ainda durante a transmissão da premiação, o perfil oficial do Oscar se manifestou nas redes sociais. “A Academia não tolera violência de nenhuma forma. Hoje à noite temos o prazer de comemorar nossos vencedores do 94º Oscar, que merecem este momento de reconhecimento de seus colegas e amantes do cinema em todo o mundo”, publicou o Twitter. 

    Departamento de Polícia de Los Angeles informou que Chris Rock não quis abrir um boletim de ocorrência contra Will Smith.

    Publicação em destaque

    TELECOM PROVIDER - INTERNET CAMPEÃ