• Girl in a jacket
  • Senador pede ao STF que investigue Pacheco por suspeita de corrupção ~ Blog Barreiras Noticias | Oeste Baiano no Geral


    O senador Alessandro Vieira (PSDB-SE) apresentou nesta terça-feira (12) ao Supremo Tribunal Federal (STF) uma notícia-crime contra o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), e os senadores Davi Alcolumbre (União Brasil-AP) e Marcos do Val (Podemos-ES) por crime de corrupção envolvendo emendas do chamado “orçamento secreto”.

    Segundo Vieira, o senador Marcos do Val, em entrevista ao jornal “O Estado de S. Paulo”, afirmou que ganhou o direito de indicar R$ 50 milhões em emendas como gratidão por ter apoiado a campanha de Rodrigo Pacheco à Presidência do Senado, em fevereiro de 2021.

    Na mesma entrevista, Marcos do Val afirmou ter sido informado por Alcolumbre que teria direito aos R$ 50 milhões em emendas como demonstração de gratidão de Pacheco.

    Pacheco vê ‘oportunismo’

    O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), disse desconhecer o teor da notícia-crime apresentada por Alessandro Vieira, mas classificou o pedido de “oportunismo político”. “Tanto a representação feita no Conselho de Ética como qualquer providência dessa natureza eu considero que é fruto de um oportunismo político próprio de período pré-eleitoral. Eu lamento isso”, declarou.

    Segundo ele, desde que assumiu a presidência do Senado, foi criado um mecanismo de cadastramento de usuários “com clareza” das indicações parlamentares.

     

    Publicação em destaque

    TELECOM PROVIDER - INTERNET CAMPEÃ