Mulher mais velha do mundo, de 117 anos, vai carregar tocha na Olimpíada de 2021

 

A japonesa Kane Tanaka, considerada a pessoa mais velha do mundo pelo Guinness Book, está listada como uma das responsáveis por carregar a tocha da Olimpíada de Tóquio, em 2021.


Aos 117 anos, Kane desfilaria em 2020 com o artefato símbolo dos jogos olímpicos, mas devido a pandemia, a competição foi adiada para o próximo ano, e no dia 11 de maio de 2021, a japonesa já estará com 118 anos e 129 dias de vida.


Caso de fato o desfile aconteça, Kane vai quebrar o recorde da condutora mais velha a levantar a chama, que havia sido estabelecido por Aída Mendes, nos Jogos do Rio de Janeiro, em 2016, quando ela tinha 107 anos. Vovó Iaiá faleceu em abril deste ano, aos 110 anos, segundo o Globo Esporte.


A participação de Kane Tanaka no desfile vai depender da situação física dela e das condições climáticas no dia.


“Quando soubemos que ela iria conduzir a tocha, ficamos preocupados com o que poderia acontecer por causa da idade, mas estávamos nos preocupando com nada. Ficaremos felizes se as pessoas que a virem segurando a tocha e com boa aparência puderem pensar: “Há esperança em continuar vivendo”, disse Eiji Tanaka, neto de Kane, ao jornal japonês “Kyushu News”.

Mulher mais velha do mundo, de 117 anos, vai carregar tocha na Olimpíada de 2021 Mulher mais velha do mundo, de 117 anos, vai carregar tocha na Olimpíada de 2021 Reviewed by Jbarreiras on 08:49 Rating: 5

Sem comentários

Postagem em destaque

PRIME TELECOM | FIBRA ÓPTICA EM BARREIRAS